Solo


Engenheiros agrônomos da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, realizaram uma visita técnica na propriedade rural da Fazenda Tamanduá, pertencente à Cambuhy Agrícola, localizada no município de Matão, na região do Escritório de Defesa Agropecuária (EDA) de Araraquara.
O objetivo foi avaliar a adoção de diferentes técnicas conservacionistas adotadas no manejo do solo em diferentes declividades e tipos de solo. A propriedade é produtora de culturas de peculiar interesse do Estado tais como: citros, seringueira e café. A visita foi realizada por José Osmar Bortoletti, Jairo Tcatchenco, Paulo Fernando de Brito e Cristina Abi Rached Iost, juntamente com o engenheiro agrônomo da Coordenadoria de Assistência Técnica integral (Cati) Mario Ivo Drugowich.
A equipe foi acompanhada pelo gerente agrícola da propriedade, engenheiro agrônomo Ivan Brandimarte, que fez as explanações sobre o funcionamento e o objetivo dos diferentes manejos adotados. “Nosso objetivo com essa visita foi averiguar em campo a implantação do sistema de conservação do solo em plantio de culturas perenes, como a seringueira e o citros”, disse Bortoletti, que na Defesa Agropecuária responde pela área de conservação e proteção do solo agrícola.

Fonte original: SAA