Produção de olerícolas


A produção de olerícolas da Cooperativa de Produtores Rurais de São José do Rio Preto (Cooperiopreto) será quadruplicada com o apoio do Governo do Estado de São Paulo. As melhorias na infraestrutura somam R$ 724.517,62 e foram entregues na última sexta-feira, 3, pelo secretário de Agricultura e Abastecimento paulista, Arnaldo Jardim, que anunciou ainda a liberação de mais R$ 700 mil em recursos para recuperação de estradas rurais para escoamento da produção. A implantação de infraestrutura para processamento de vegetais e a compra de veículos para transporte foram realizadas por meio do Projeto de Desenvolvimento Rural Sustentável Microbacias II – Acesso ao Mercado, executado pela Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) da Pasta. Elas aumentarão a produção diária de 500 quilos para 2 toneladas de olerícolas como mandioca (o carro-chefe), cenoura, abóbora, brócolis e beterraba - algumas com 1,5kg. “Temos que aplaudir quem sempre acreditou em nossos projetos. Isso que vocês produtores fazem aqui tem um resultado formidável. Esse patrimônio é todo de vocês. Queremos que isso se amplie, significando ampliar também a qualidade de vida de vocês”, ressaltou Arnaldo Jardim. As melhorias incluem itens como caixas plásticas, câmara fria, placas fatiadoras, cortador de legumes, placa quadriculada, balanças, bancada e mesa de inox, embaladora, seladora, ar-condicionado, projeto técnico de construção civil, assessoria técnica para implantação, lavador de tubérculos, caminhão, baú e refrigerador, veículo utilitário tipo furgão, computador, caixa d’água e centrífuga. “Essa estrutura que estamos recebendo faz com que o nosso produto tenha mais qualidade e receba um preço melhor no mercado”, contou Paulo Henrique Cardoso, presidente da Cooperativa. As olerícolas são vendidas em programas de compras públicas e para grandes redes de supermercados. “Esse investimento já está dando resultados graças ao esforço de vocês. Está dando resultados porque vocês produtores rurais acreditaram no Projeto Microbacias II”, apontou João Brunelli Junior, titular da Cati. O Projeto levará mais melhorias para a Cooperiopreto, com um investimento de R$ 700 mil para a Prefeitura de São José do Rio Preto realizar a readequação de duas estradas rurais da região. Para o prefeito, Edinho Araújo, o auxílio do Governo do Estado prestigia a vocação produtiva do município. “Aqui em São José do Rio Preto há uma terra fértil para fazer dessa região um exemplo, como o dessa cooperativa de pessoas do bem, com ética, princípios e bom senso”, elogiou. O próximo passo da Cooperativa de Produtores Rurais de São José do Rio Preto é a construção de 8 mil metros quadrados de estufas para cultivo. O recurso também será do Projeto Microbacias II.