Linha de crédito rural


Estará disponível para os agricultores de São Paulo, a partir de novembro, uma linha de financiamento com o objetivo de estimular ações na agropecuária sustentável. Serão quatro projetos apoiados pelo Banco do Agronegócio Familiar (Feap/Banagro): Agricultura Sustentável Paulista; Produção Animal Sustentável Paulista; Aquicultura e Pesca Sustentável Paulista; e Desenvolvimento Rural Sustentável Paulista. De acordo com o secretário-executivo do Feap, Fernando Aluizio Penteado, o objetivo das novas linhas é desburocratizar o acesso dos produtores aos recursos. "As regras serão mais simples, assim como a análise do crédito pela instituição financeira e a elaboração do projeto de financiamento pela Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati). Tudo para que o produtor rural tenha menos dúvidas na hora de acessar as linhas", explicou Penteado. "A simplificação das regras do Feap integra o Programa Agrofácil, para facilitar a vida do produtor rural, para que ele possa focar sua produção, na geração de renda e empregos, uma orientação do governador Márcio França", lembrou o secretário de Agricultura e Abastecimento, Francisco Sergio Ferreira Jardim. Cada linha já conta com R$ 10 milhões disponíveis e pode ser acessada pelos produtores que possuem a Declaração de Aptidão ao Feap (DAF). Aqueles que não possuem e desejam emitir novas DAFs poderão solicitar pelo sistema Feap-Net a partir de novembro. O Feap também definiu como regra única o limite de renda bruta agropecuária anual em R$ 1 milhão, para enquadramento como beneficiário nas linhas, permitindo maior número de adesões. A renda bruta agropecuária anual considera toda a receita originária da produção agropecuária, extrativismo vegetal ou pesqueiro e demais rendimentos das atividades, devendo representar, no mínimo, 50% do total da renda bruta anual. Fonte: Universo Agro