COMO SE ASSOCIAR



É fácil associar-se à AEASP, preencha sua proposta de filiação (abaixo). Após o preenchimento, a AEASP entrará em contato para dar sequência ao processo.
        Documentos necessários para associar-se:

          - Formulário de proposta de filiação
          - Duas fotos 3x4

          Benefícios do associado

          A Associação de Engenheiros Agrônomos do Estado de São Paulo presta serviços importantes para os profissionais de nível superior das classes agronômicas e de outras ciências agrárias. Ao associar-se a AEASP, você estará contribuindo para o fortalecimento da classe profissional, além de poder aproveitar os benefícios que a AEASP oferece aos sócios:
          - Representação do profissional para a defesa de seus direitos e interesses.
          - Valorização da classe profissional.
          - Acesso as informações de interesse do profissional, através de nosso site e de nosso jornal, o JEA.
          - Seguro de vida contra acidentes e invalidez.

          Perfil dos sócios

          A AEASP compõe-se das seguintes categorias de sócios (De acordo com o Artigo 4º do Estatuto):
          a) Fundadores: os que assinaram a ata de fundação da Sociedade e o que se inscreveram dentro do prazo de seis meses, a contar da data da sua fundação (sete de outubro de 1944);
          b) Titulares: os Engenheiros Agrônomos e todos os Profissionais de Ciências Agrárias de nível superior que se inscreverem e vierem a ser admitidos como sócios;
          c) Honorários: os Engenheiros Agrônomos e todos os Profissionais de Ciências Agrárias de nível superior ou não, que tenham prestado relevantes serviços para a Agronomia ou para a Classe, uma vez justificadamente, propostos por escrito pela Diretoria Executiva ou por 15 (quinze) sócios e aprovados pelo Conselho Deliberativo;
          d) Beneméritos: todos aqueles que prestarem à AEASP benefícios em donativos ou em serviços, e tenham sido propostos e aprovados na forma da alínea "c" acima;
          e) Remidos: todos os sócios titulares que tiverem: 1º) contribuído, no mínimo com trinta e cinco anuidades; 2º) atingido a idade de sessenta e cinco anos; 3º) ou que paguem quinze anuidades de uma só vez, por já terem contribuído com doze anuidades, consecutivas ou não, devidamente aprovados pelo Conselho Deliberativo;
          f) Juniores: os estudantes de Ciências Agrárias de nível superior.

Engenheiro agrônomo - Clique Aqui

Estudantes de agronomia - Clique aqui